Repositorio - IFBA Campus Porto Seguro Trabalhos de Conclusão de Cursos (TCCs)
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.ifba.edu.br/jspui/handle/123456789/239
metadata.dc.type: Dissertação
Título: Caracterização etnobotânica da comunidade pesqueira de Caravelas, APA Ponta da Baleia, Abrolhos
Título(s) alternativo(s): Ethnobotanical characterization of the fishing community of Caravelas, Ponta da Baleia APA, Abrolhos
metadata.dc.creator: Paiva, Kariny de Oliveira
metadata.dc.contributor.advisor1: Costa, Jorge Antonio Silva
metadata.dc.contributor.referee1: Costa, Cristiana Barros Nascimento
metadata.dc.contributor.referee2: Novaes, Jaílson Santos de
metadata.dc.contributor.referee3: Müller, Taina Soraia
metadata.dc.contributor.referee4: Costa, Jorge Antonio Silva
metadata.dc.description.resumo: Os processos de ocupação da floresta atlântica implicaram em grande perda da biodiversidade, por sua vez, em Caravelas na APA Ponta da Baleia/Abrolhos, região do Extremo Sul da Bahia, não foi diferente. As comunidades tradicionais são importantes para descrever, em detalhes, a complexidade do espaço e a interação entre o ser humano e a floresta. Desta forma, o objetivo deste trabalho foi realizar o levantamento das plantas utilizadas por pescadores desta área, no intuito de entender quais são e para que são utilizadas, além de entender quais as implicações do uso de plantas para o seu sustento e para a conservação da biodiversidade local. Foram realizadas entrevistas semiestruturadas, de acordo com a técnica “Bola de Neve”, nas comunidades da sede do município, bem como em Ponta de Areia e Barra de Caravelas. As espécies citadas foram coletadas, prensadas, identificadas e depositadas no herbário Prof. Geraldo C.P. Pinto (GCPP). Os dados da pesquisa seguiram uma abordagem quali-quantitativa, de forma que foi calculado o Índice de Valor de Uso (VU). Para tal foram realizados dois trabalho, um artigo apresentando os dados quantitativos da pesquisa e um memorial com todo material qualitativo, como históriase tradições coletadas. Foram levantadas 129 espécies vegetais, pertencentes a 48 famílias botânicas, em 89 entrevistas, bem como levantadas onze categorias de uso, sendo a mais citada a de uso medicinal (47%). Foi possível verificar que os entrevistados do gênero feminino citaram maior número de espécies vegetais de porte herbáceo (100%) e os do gênero masculino espécies de porte lenhoso (57,77%). Das dez espécies com maior VU, nove são nativas, o que denotou alta importância cultural. Da mesma forma, foram coletadas informações sobre como a comunidade seleciona as plantas, sobre a implicação do uso da flora para a geração de renda e conservação e a relação dessa comunidade com as matas da APA PB-A. Observou-se que os pescadores selecionam as espécies a partir de um conhecimento antigo, passado de geração em geração, bem como tem costume de realizar experimentações totalmente empíricas baseada na fala de um ou outro comunitário e do que aprenderam com familiares. Estes possuem amplo conhecimento no que se refere ao uso de espécies vegetais, sendo este um conhecimento repassado através das gerações
Resumo: a Baleia, Abrolhos ABSTRACT The processes of occupation of the Atlantic forest implied a great loss of biodiversity, in turn, in Caravelas in APA Ponta da Baleia / Abrolhos, in the extreme south of Bahia, it was no different. As traditional communities are important to describe, in detail, the complexity of space and the interaction between humans and the forest. Thus, the objective of this work was to carry out a survey of plants used by fishermen in this area, without understanding what they are and which ones are used, in addition to understanding what are the implications of using plants for their livelihood and for the conservation of biodiversity place. Semistructured interviews were carried out, according to the “Bola de Neve” technique, in the communities of the municipality's headquarters, as well as in Ponta de Areia and Barra de Caravelas. The mentioned species were collected, pressed, identified and deposited in the herbarium Prof. Geraldo C.P. Pinto (GCPP). The research data follow a qualitative and quantitative approach, in a way that was calculated or the Use Value Index (VU). For this, two works were carried out, an article shows the quantitative data of the research and a memorial with all the qualitative material, such as the history of the collected traditions. 129 plant species were surveyed, belonging to 48 botanical families, in 89 interviews, as well as surveyed in categories of use, the most cited in medicinal use (48,48%). It was possible to verify who interviewed the female gender with the highest number of plant species of herbaceous size (100%) and the male genera of woody size (57.77%). Of the ten species with the highest VU, nine are native, or have high cultural importance. Likewise, information was collected on how the community selects as plants, on the implications of using flora for income generation and conservation and the relationship of this community with the APA PB-A forests. Note that fishermen select as species from ancient knowledge, passed on from generation, as well as fantasies of carrying out totally empirical experiences used in the speech of one or another student and that they learn from family members. They have extensive knowledge that does not refer to the use of plant species, this knowledge being passed on through the stories
Palavras-chave: Mata Atlântica
Atlantic forest
Conhecimento tradicional
Traditional community
Pescadores
Fishermen
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::RECURSOS PESQUEIROS E ENGENHARIA DE PESCA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Editor: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia
metadata.dc.publisher.initials: IFBA
metadata.dc.publisher.department: Programa Pós-Graduação em Ciências e Tecnologias Ambientais (PPGCTA)
metadata.dc.publisher.program: Mestrado em Ciências e Tecnologias Ambientais (PPGCTA)
Citação: PAIVA, Kariny de Oliveira. Caracterização Etnobotânica da comunidade pesqueira de Caravelas, APA Ponta da Baleia, Abrolhos. 2020. Dissertação. (Mestrado em Ciências e Tecnologias Ambientais). Programa de Pós-graduação da Universidade Federal do Sul da Bahia e Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia. Universidade Federal do Sul da Bahia, Porto Seguro, BA, 2020
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ifba.edu.br/jspui/handle/123456789/239
Data do documento: 27-Mar-2020
Aparece nas coleções:Trabalhos de Conclusão de Cursos (TCCs)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Kariny Paiva Jorge Costa.pdfCaracterização etnobotânica da comunidade pesqueira de Caravelas, APA Ponta da Baleia, Abrolhos.13.45 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.